Postagens

DIFERENÇAS ENTRE VINHOS ORGÂNICO,BIODINÂMICO E NATURAL

Imagem
Orgânico? Biodinâmico? Natural?
O que são vinhos naturais?Para entender bem o que são os vinhos naturais é importante saber que não existe um órgão oficial que regulamenta esse de estilo de vinho, portanto o conceito é marcado pela ideologia do produtor. Via de regra, são aqueles que fazem a fermentação de forma espontânea, ou seja, utilizando apenas leveduras indígenas (as presentes na casca da uva), sem adição de leveduras inoculadas, feitas em laboratório, como é em um processo de vinificação convencional. Além disso, não se utilizam artifícios químicos durante o seu processo de elaboração, como correções de acidez e taninos. Por fim, os vinhos naturais não recebem adição de sulfito antes do engarrafamento, substância com propriedades antioxidantes que conservam a bebida, ou recebem muito pouco (quantidade próxima a 7 mg/L enquanto as produções de vinho mais industriais ultrapassam facilmente as 200 mg/L). Existem duas razões principais para que um produtor decida produzir um vinho de…

VINHO TINTO E CHÁ VERDE FORAM CAPAZES DE ANULAR,EM LABORATÓRIO,EFEITO DE PROTEÍNA CAUSADORA DE ALZHEIMER

Imagem
Vinho tintoechá verdecontra o mal de Alzheimer Substâncias das duas bebidas foram capazes de anular, em laboratório, efeito da proteína causadora da doença
Substâncias químicas naturais encontradas no chá verde e no vinho tinto são capazes de quebrar efeito de proteína causadora do mal de Alzheimer, de acordo com testes de laboratório feitos na Universidade de Leeds, no Reino Unido. Os autores da pesquisa explicam que a doença capaz de degenerar o cérebro começa quando os neurônios são intoxicados por uma proteína produzida pelo próprio corpo, a beta-amiloide. Todos nós temos esse peptídeo no organismo. Mas, de 15 anos para cá, passou a ser consenso na comunidade científica que pessoas com mal de Alzheimer têm a beta-amiloide dissolvida no sistema nervoso em forma de aglomerados, chamados de oligômeros. É a proteína neste formato que danifica os neurônios, impedindo a comunicação entre eles, num primeiro instante, para matar a célula tempos depois.
Desta vez, por meio de testes em laborat…

VINHOS BRASILEIROS PREMIADOS EM LONDRES TEM TECNOLOGIA DA EPAMIG-MINAS GERAIS

Imagem
VINHOS BRASILEIROS PREMIADOS EM LONDRES TEM TECNOLOGIA DA EPAMIG
Minas Gerais é reconhecida como a terra da cachaça, e também já vem sendo chamada de "Bélgica Brasileira", devido ao grande número de cervejarias artesanais. Agora, é a vez do vinho projetar o nome do estado internacionalmente. É o que mostra o resultado do prêmio Decanter World Wine Awards 2017, realizado em Londres, Inglaterra. Dos 27 vinhos brasileiros participantes da premiação, cinco são elaborados com a tecnologia da dupla poda, desenvolvida pelo Núcleo Tecnológico Uva e Vinho da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), em Caldas, no sul do estado.
O vinho Maria Maria Bel Sauvignon Blanc 2015, vencedor da categoria bronze, é de Três Pontas (MG). A uva é plantada na fazenda Capetinga, do produtor Eduardo Junqueira, e processada na vinícola experimental da Epamig em Caldas. Já os vinhos da vinícola Guaspari – Vista do Chá, Vista da Serra, Vale da Pedra, Vista do Bosque – são produzidos em Es…

CARMENERE, A UVA RENASCIDA

Imagem
CARMENERE, A UVA RENASCIDAO nome da uva deriva do francês e faz uma referência à coloração brilhante avermelhada das folhas pouco antes de caírem, em meados de outono Originalmente plantada em Bordeaux – França, a Carmenère foi muito bem cultivada até o princípio do século XIX e colaborava com bastante cor e corpo nos tintos do Médoc. Em 1860 o aparecimento da Phylloxera vastatrix (pequeno pulgão que suga a seiva das vinhas através das raízes e que quase dizimou a maior parte dos vinhedos europeus) fez com que a Carmenère fosse quase extinta na França. Atualmente esta uva faz enorme sucesso no Chile. A “ressurreição da casta” ocorreu em 1994 quando o ampelógrafo francês Jean-Michel Boursiquot, tentava resolver o mistério: porque algumas videiras de Merlot na Viña Carmen demoravam muito a amadurecer, e eram fisiologicamente diferentes das demais. Resultados de DNA esclareceram que a Carmenère, ou Grand Vidure, estava misturada entre a maior parte dos vinhedos do Chile. De lá para a cá, a…

BENEFÍCIO DE UMA TAÇA DE VINHO TINTO POR DIA

Imagem

BEBA VINHO PARA O ESPÍRITO E BOA DIGESTÃO...- LUIZ FERNANDO VERÍSSIMO

Imagem

O VINHO É UM COMPOSTO MÁGICO...- CAROLINA SALCIDES

Imagem